Quando investir em um negócio online
Quando investir em um negócio online

Quando investir em um negócio online

Quando investir em um negócio online? Investir em um negócio online exige estratégia, disponibilidade de tempo e dinheiro, por isso é muito importante que um empreendedor saiba qual é o momento correto para lançar sua marca nas plataformas digitais. 

Tendo em vista que de 212,6 milhões de brasileiros, mais da metade, 150 milhões, fazem uso constante das mídias digitais, pensar em lançamento online não é algo que deveria ficar em segundo ou terceiro plano para uma empresa. 

Quando se reflete sobre o marketing digital é preciso pensar que antes de mais nada, o produto precisa ser interessante. Diversos fatores influenciam para que um produto chegue ao consumidor de maneira atrativa. 

A qualidade, o diferencial e a embalagem são alguns pontos que devem ser pensados inicialmente, para que a partir disso seja estruturada toda uma estratégia de lançamento na web. 

Marcas que se destacam

No Brasil,muitas marcas se destacam, sobretudo por reunir todos os motivos para se tornarem populares. 

O marketing digital está muito além dos 5 Ps, embora estudá-los seja um bom começo.

Para trabalhar com as mídias digitais, é preciso adquirir saberes específicos de cada plataforma. Por isso há um distanciamento de abrangência de algumas marcas ou serviços. 

Enquanto algumas empresas como Casa Bahia, Magazine Luiza, Tim e outras precisam constantemente se esforçar para vender, as Loterias da Caixa já possuem nomes tão fortes que é muito pouco investido em propaganda, afinal os famosos jogos como Mega-Sena e Lotofácil já viraram tradição, e agora com a opção de apostar online, facilitou para quem deseja fazer uma “fezinha”, porém não tem tempo para ir até uma Casa Lotérica.  

Para que as marcas acima consigam um bom posicionamento digital elas precisam investir em engajamento pago e orgânico para serem as primeiras a serem encontradas nos mecanismos de busca, pois o consumidor vai digitar palavras chaves, como “geladeira”, planos de telefonia”, já no segundo exemplo, as pessoas geralmente digitam direto a marca “loterias da Caixa”, ou mesmo o nome do jogo que se pretende apostar. 

Leia também: Como editar vídeo no tiktok depois de postado?

5 Ps

Embora pareça uma maneira tradicional de fazer uma marca “vingar” no mercado, ainda vale a pena estudar e colocar em prática a famosa técnica dos 5 Ps do marketing, que consiste basicamente em: produto, preço, promoção, praça e pessoa.

Vamos abordar um pouco mais sobre essa técnica. 

Produto 

Como já mencionamos acima, o produto é crucial, pois de nada adianta praticar o marketing, sendo que na hora dos “vamos ver” o consumidor não gostar do que adquiriu. 

Quando se pensa num produto, ele pode ser físico, desde eletrônicos até alimentício, ou serviços,como telefonia, aplicativos solucionadores como os intermediadores de delivery,, de transporte ou de prestação de serviço como a contratação de uma faxineira, por exemplo. 

É interessante pensar em inovação,sempre lançar algo novo, que traga conceito, mas que também atenda alguma demanda de mercado, supra necessidades. 

Estudar como e onde o consumidor vai usar o produto, e como anda o mercado econômico para ele também são diferenciais na escolha. 

Atualmente deve-se sempre pensar neste uso associado à internet. 

Preço

Todo produto tem um preço. O valor em questão deve ser minuciosamente pensado, pois diversas demandas devem ser incluídas, como custo bruto do produto, pagamento de funcionário ou fornecedor, pagamento das contas da empresa, como luz, água, telefone, impostos, e outros, o  lucro e a publicidade. 

Lembrando que tudo isso deve estar de acordo com o valor praticado do mercado, com ressalva para produtos que oferecem algum diferencial que ainda não é praticado, algo novo, tão fora do padrão, que faça com que o consumidor pague um preço mais alto. 

O caixa para a publicidade deve ser respeitado, ainda que uma empresa seja pequena, fazer propaganda paga no Google, Facebook ou Instagram, usando a estratégia correta, pode gerar um bom resultado. 

Promoção 

A promoção em questão não se trata de liquidação, abaixar o preço do produto, nada disso! É a forma com a qual uma empresa vai divulgar o seu produto. Qual promoção irá realizar para lançar sua ideia de consumo. 

Para realizar uma promoção que alcance o público-alvo para um determinado produto é preciso responder às seguintes perguntas:

Quando começar a promover?

Através de quais mídias (internet, tv, rádio, revistas, panfletos, boca a boca)?

Qual é a melhor época do ano para vender o meu produto?

Como a concorrência está promovendo?

Praça 

Neste tópico devemos pensar à moda antiga, “Como minha marca é vista na praça?”Mas também há outras questões mais profundas, como saber através de quais canais as pessoas chegam até o produto que se deseja oferecer. 

Se as pessoas procuram mais tal produto fisicamente ou virtualmente, sendo fisicamente, em quais pontos? Se for virtualmente, por qual plataforma? 

Pessoa 

Por último e igualmente importante, definir a pessoa, ou “personas” que mais utilizam o produto da sua marca. Para isso é necessário levantar dados sobre quem são as que mais consomem o tipo de mercadoria que se deseja comercializar. Saber as faixas estárias, sexo, região e preferências já é um bom começo para traçar o perfil das “personas” que mais se identificam com a proposta comercial. 

Saber para qual tipo de pessoa seu produto levanta mais demanda, por exemplo, uma pessoa que pratica bastante atividade física, comumente se interessa pela compra de tênis, e roupas fitness.

Para além disso, os funcionários da empresa devem ser as primeiras “personas” a consumir o produto. Por isso deve-se contratar quem possui o perfil da marca, pois além de divulgarem se sentirão motivados, afinal acreditam no que estão atuando. 

Resposta

Deve-se investir em um negócio digital sempre que se tenha estrutura financeira e conhecimento para aplicar pelo menos os 5 Ps.